Flamengo encara o Botafogo pela Série A

0
44
Foto: Vítor Silva/Botafogo F.R.

Em mais uma edição de um dos clássicos de mais rivalidade no País, Flamengo e Botafogo de enfrentam neste domingo às 16 horas, no Maracanã, pela terceira rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O rubro negro busca a reabilitação no torneio depois da derrota na última rodada para o Internacional por 2 x 1 no Beira-Rio. O alvinegro assumirá a liderança isolada do Brasileirão se derrotar o arquirrival.

Nos últimos 11 jogos o Flamengo venceu nove, empatou um e perdeu apenas uma partida para o Botafogo em 2022, por 1 x 0, com um gol de Erison, hoje defendendo o São Paulo por empréstimo. Desde então os clubes se enfrentaram oito vezes, com sete triunfos para o time da Gávea e um empate.

O Flamengo está há pouco tempo sob o comando do técnico argentino Jorge Sampaoli, depois de ter tido um começo temporada terrível sob a direção de Vítor Pereira, perdendo várias finais em sequência, incluindo a Supercopa do Brasil para o Brasil e a Recopa Sul-Americana para o Independiente Del Valle. Sampaoli não poderá contar com o craque Arrascaeta, ainda se recuperando de contusão, assim como Matheuzinho, Filipe Luís e Guillermo Varela.

No Botafogo, comandado pelo português Luís Castro há mais de um ano, o time parece estar alcançando aos poucos mais estabilidade. O alvinegro está há 11 jogos invictos e, além de ter avançado para as oitavas de final da Copa do Brasil com duas vitórias sobre o Ypiranga (RS), triunfou nas duas primeiras rodadas da Série A, batendo São Paulo e Bahia pelo mesmo placar de 2 x 1. O lateral-esquerdo Marçal, de fora dos dois último compromissos por estar com uma lesão na virilha, tem chances de voltar neste domingo contra o Flamengo no Maracanã. Castro ainda tem dúvida no meio de campo, entre Tchê Tchê ou Lucas Fernandes. Luís Henrique e Victor Sá disputam uma vaga no ataque.

O jogo entre Flamengo e Botafogo no Maracanã neste domingo à tarde será transmitido pela Rede Globo e pelo canal Premiere para todo o Brasil. A arbitragem será comandada por Edina Alves Batista (Fifa/SP), auxiliada por Neuza Inês Back (Fifa/SP) e Leila Naiara Moreira da Cruz (Fifa/DF). No VAR ficará Daiane Muniz (Fifa/SP).

Escalações:

Flamengo: Santos; Wesley, Fabrício Bruno, David Luiz e Léo Pereira; Vidal (Everton Ribeiro), Thiago Maia, Gerson e Cebolinha; Gabigol e Pedro.

Botafogo: Lucas Perri; Di Plácido, Adryelson, Cuesta e Rafael (Marçal); Danilo Barbosa, Tchê Tchê (Lucas Fernandes) e Eduardo; Júnior Santos, Tiquinho Soares e Victor Sá (Luís Henrique).