Jogo do Flamengo contra o Olimpia pela Libertadores terá público

0
70
Torcida do Flamengo

O Flamengo contará com um público ainda bem limitado para o confronto que terá com o Olímpia do Paraguai pelas oitavas de final da Copa Libertadores, marcado para o próximo dia 18 no Estádio do Maracanã.

A Prefeitura do Rio de Janeiro, depois de muita insistência da diretoria rubro negra, liberou apenas 10% da capacidade do Maior do Mundo para a partida pela Libertadores. A solicitação inicial do Flamengo era de 30% de público no estádio, o que não foi aceito pela Prefeitura por causa da situação ainda não normalizada na capital fluminense por conta da pandemia de Covid-19.

Na Copa América, cuja decisão aconteceu no mesmo Maracanã, o prefeito Eduardo Paes e a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro também liberaram 10% de capacidade do estádio para a final entre Brasil e Argentina, vencida pela seleção portenha por 1 x 0.

Para o jogo do Flamengo haverá algumas recomendações tais como distanciamento de um metro entre os presentes, evitar filas para a compra de alimentos, não comparecimento de quem está com algum sintoma que possa ser associado á Covid-19 ou de quem tenha tido contato com alguém sintomático, comprovação de vacinação ou teste negativo na entrada do Maracanã, abertura dos portões com três horas de antecedência e desinfecção do estádio após o término do jogo.

Apesar dos inúmeros cuidados em relação ao jogo do Flamengo com o Olimpia do Paraguai, a Prefeitura do Rio de Janeiro já divulgou um planejamento segundo o qual já em setembro poderá ocorrer a liberação de 50% de público nos estádios para eventos esportivos. O planejamento da prefeitura, porém, tem recebido muitas críticas de representantes da área médica, que ainda consideram precipitada a liberação.