Corinthians terá de negociar quatro renovações consideradas prioritárias

0
50
Corinthians

Com o Paulistão paralisado por conta dos problemas causados pelo agravamento da pandemia de Covid-19 no Estado, o Corinthians também passa por um momento delicado financeiramente e precisará negociar a renovação de contratos de jogadores importantes do elenco.

Nada menos do que quatro das principais peças à disposição do técnico corintiano Vagner Mancini terão contratos terminados em três meses. Os jogadores Jemerson, Otero, Cazares e Cantillo ainda não sabem se permanecerão no alvinegro paulista.

Os quatro já estão dentro do prazo para assinar pré-vínculos com outros clubes de graça, mas a intenção dos atletas é inicialmente tentar conversar com a diretoria do Corinthians para tentar a permanência no Parque São Jorge.

Dos atletas, o que está mais próximo de uma renovação é Cantillo, pois não demanda negociação. Como previsto no atual contrato, o volante está a uma parcela de renovar automaticamente com o Timão até o final da temporada de 2023. Trata-se apenas de depositar a última parcela do pagamento do atleta ao Junior Barranquilla, de cerca de US$ 900 mil (algo em torno de R$ 5 milhões).

As situações de Jemerson, Cazares e Otero, porém, são bem mais complicadas e exigirão algum tipo de engenharia financeira por parte da já tribulada diretoria corintiana, às voltas com problemas financeiros deixados por gestões anteriores.

Já haveria algum avanço na conversa com Cazares, mas nada de definitivo. Jemerson tem a situação mais complicada e já vem sendo sondado pelo Atlético (MG). O clube mineiro tem cacife para levar o zagueiro para Belo Horizonte e não desistirá tão fácil da investida.

Durante o ano de 2020 o Corinthians registrou um aumento de R$ 73 milhões na dívida com jogadores do elenco e empresários. Segundo o próprio balanço financeiro do clube, a dívida passou de R$ 48 milhões em 2019 para R$ 121,4 milhões no ano seguinte, o que com certeza dificultará ainda mais renovações e a possibilidade de contratações. A Fiel deve se preparar para um ano de muita sobriedade. mais aqui : meutimao.com.br