Fluminense ameaça não entrar em campo se federação marcar final do Campeonato Carioca para Brasília

0
39
Fluminense

Depois do primeiro confronto da final do Campeonato Carioca de 2021 entre Flamengo e Fluminense, que terminou em 1 x 1 no Maracanã no último sábado, uma polêmica já surgiu antes mesmo da segunda partida da decisão. Com o apoio do Flamengo, a Federação de Futebol do Rio de Janeiro estuda transferir o jogo para Brasília com a presença de público no estádio. O tricolor discorda e ameaça não entrar em campo se isto ocorrer.

Em comunicado divulgado na última segunda feira a entidade destacou “a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, com competência para definição do local dos jogos, analisa a possibilidade de mudança da praça da decisão do Campeonato Carioca entre Flamengo e Fluminense no próximo sábado.”

O tricolor das Laranjeiras quer que o regulamento da competição seja respeitado, pois o documento destaca que as duas partidas da decisão deverão obrigatoriamente acontecer no Estádio do Maracanã. O Fluminense também permanece irredutível em sua oposição à presença de público no estádio.

Enquanto isto, a diretoria do Flamengo, seguindo sua habitual postura de sempre priorizar a questão financeira e não a de saúde, já enviou para a Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro um novo protocolo visando a permissão para receber torcedores no segundo jogo da final do Cariocão 2021, caso ocorra no Maracanã.

A Prefeitura do Rio de Janeiro já vetou a presença de público no primeiro confronto, realizado no sábado passado, mas a Ferj liberou 150 convidados para cada clube. O Fluminense fez pouco caso da postura da federação e não levou nenhum convidado.

O clube das Laranjeiras lamenta o que considera irresponsabilidade de alguns dirigentes em um momento de grave pandemia assolando o País. O Fluminense enfatizou que poderá nem mesmo entrar em campo se o confronto for marcado para Brasília.