Felipe Conceição mantém confiança no Cruzeiro na semifinal

0
74
Felipe Conceição
Felipe Conceição (foto: Bruno Haddad / Cruzeiro)

O técnico do Cruzeiro, Felipe Conceição, não entregou os pontos e mantém a confiança em sua equipe na semifinal do Campeonato Mineiro após a derrota de virada por 2 x 1 no jogo de ida para o América, realizado no Mineirão no último domingo.

Na visão do treinador, o Cruzeiro dominou a maior parte da partida, teve muitas chances de fazer o segundo gol, mas sofreu a virada nos últimos minutos em um jogo atípico e um resultado inesperado para quem assistia o confronto. A Raposa vencia por 1 x 0 até os 40 minutos da etapa final quando o América numa virada sensacional deu números finais ao placar da primeira partida da semifinal do Mineiro.

Conceição fez questão de ressaltar que houve uma nítida evolução no futebol apresentado pelo Cruzeiro. “Nossa equipe demonstra uma evolução muito grande se comparada ao que apresentou nos primeiros jogos do Campeonato Mineiro. Hoje (domingo) o Cruzeiro foi muito superior ao América”, salienta o treinador.

A vitória no primeiro clássico da semifinal aumentou a vantagem americana nesta fase. O Coelho agora pode até perder por um gol de diferença na partida do próximo domingo no Estádio Independência que estará na decisão do torneio estadual.

O técnico americano Lisca elogiou seus comandados por nunca desistirem em campo quando estavam atrás do marcador contra uma equipe forte, e lamentou as confusões ocorridas durante o clássico entre jogadores e comissões técnicas dos clubes.

“Eles desrespeitaram nossos jogadores quando marcaram o gol de abertura do placar, fazendo gestos estranhos para nossos atletas. Provocaram muito e acabaram recebendo um troco que não esperavam. Os jogadores do América são valorosos e sempre responderão como puderem às provocações”, enfatizou Lisca.

O treinador do América não estará no banco no segundo e decisivo jogo da semifinal do Mineiro contra o Cruzeiro, pois levou o terceiro cartão amarelo e terá de cumprir suspensão.