Barbieri admite que Vasco ainda está atrás de rivais cariocas

0
193
Foto: Daniel Ramalho/Site do Vasco

A derrota por 2 x 1 para o Volta Redonda na última rodada do Campeonato Carioca deixou os torcedores do Vasco preocupados e escancarou a necessidade de mais contratações para deixar o time pelo menos em condições de resistir às dificuldades da Série A.

A verdade é que o Cruzmaltino foi envolvido pelo Voltaço em vários momentos da partida e a equipe do Sul Fluminense mereceu a vitória obtida em Cariacica, no Espírito Santo. Os problemas na defesa seguem sendo uma dor de cabeça para comissão técnica e torcedores e a dependência de Nenê ainda pesa na parte ofensiva.

O próprio técnico vascaíno, Maurício Barbieri, reconhece que o Vasco ainda está atrás dos outros grandes do Rio de Janeiro que, segundo o treinador, têm grupos já montados e muito mais entrosados. Barbieri pede mais paciência à torcida vascaína e espera por mais reforços para ter um grupo em condições de fazer um bom Brasileirão.

O Vasco voltou este ano à elite do futebol no País após passar dois anos na Série B. A classificação do Gigante da Colina para a principal divisão nacional, porém, foi das mais sofridas e só se concretizou na última rodada, com uma vitória fora de casa sobre o Ituano (SP).

Com a entrada na era da SAF a imensa torcida do Vasco começou a ver uma luz no fim do túnel do clube, que chegou a cair quatro vezes para a Série B em pouco mais de uma década. A parceria com a 777 Partners, porém, já é criticada por alguns torcedores, que cobram mais e melhores contratações para evitar um novo vexame do Gigante da Colina.

A diretoria já tem se movimentado e alguns nomes estão sendo sondados, mas por enquanto Maurício Barbieri terá de trabalhar com as atuais limitações e fazer o melhor que puder para levar a “caravela” do Almirante avante no estadual.