São Paulo tem problemas na zaga para partida contra o Novo Horizontino

0
50
São Paulo

O São Paulo enfrenta o Novo Horizontino neste sábado às 16h30, no Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte, em mais uma rodada do Paulistão, que poderá ser a última até o próximo dia 30, porque o Governo de São Paulo determinou a interrupção da competição por conta do agravamento da pandemia de Covid-19. A federação local ainda tenta a transferência de jogos para outros estados, mas por enquanto não teve sucesso.

Para o confronto fora de casa o tricolor tem problemas na defesa, pois contará com apenas um zagueiro de origem. O elenco tem diversos casos de Covid-19 e o técnico Hernán Crespo deverá fazer uso de alguns atletas da base são paulina.

Crespo costuma utilizar um esquema com três zagueiros nas equipes que comanda, mas apenas Bruno Alves poderá ser empregado no jogo contra o Novo Horizontino entre os atletas que originariamente atuam neste setor do campo. 

Diego Costa e o lateral Léo, que sabe atuar na zaga, estão afastados por terem testado positivo para o Novo Coronavírus. Arboleda, outro zagueiro de origem, foi liberado para viajar para o Equador e Walce está lesionado e não poderá atuar neste sábado.

O técnico Hernán Crespo também terá de enfrentar o problema de mais desfalques em outros setores da equipe. Wellington, Luizão, Galeano e Igor Gomes também estarão de fora do confronto deste sábado em Novo Horizonte.

O São Paulo é o líder do Grupo B do Paulistão com sete pontos em três jogos e na última rodada conseguiu um expressivo resultado ao golear o Santos por 4 x 0 em clássico realizado no Morumbi. O Novo Horizontino é o último do Grupo C, com apenas dois pontos, e tem uma equipe muito limitada. Em condições normais não ofereceria muita resistência ao clube da capital, mas com os muitos desfalques do São Paulo pode complicar atuando em casa.