Em momento crítico, Santos enfrenta o Bahia em Salvador pela Série A

0
157
Soteldo
Soteldo (foto: Ivan Storti/Santos FC)

Em situação difícil no Brasileirão, o Santos faz nesta segunda-feira um dos chamados jogos de seis pontos em Salvador. O Peixe medirá forças com o Bahia às 20 horas na Arena Fonte Nova e ambas as equipes lutam contra o rebaixamento à Série B.

O Bahia conseguiu um alívio ao vencer de maneira categórica o Coritiba por 4 x 2 no Couto Pereira, em partida que marcou a estreia do técnico Rogério Ceni, que substituiu Renato Paiva. A vitória deixou o Tricolor de Aço quatro pontos à frente do primeiro time na zona de rebaixamento, justamente o adversário de hoje na capital baiana.

Ao Santos só interessa a vitória, mesmo tendo de atuar no campo do adversário. Se perder para o Bahia o Peixe afundará ainda mais na classificação e aumentará o risco do primeiro rebaixamento de sua história. O alvinegro praiano demitiu recentemente o técnico Diego Aguirre e o auxiliar Marcelo Fernandes vai dirigir o time interinamente em Salvador.

Rogério Ceni tende a repetir a base que enfrentou e venceu bem o Coritiba na última rodada. A única alteração poderá acontecer com o retorno de Vítor Hugo, que não enfrentou o Coxa por estar suspenso. Com isso, Raul Gustavo deverá voltar para o banco contra o Santos.

O Peixe terá o retorno do meia Lucas Lima, que começou no banco de reservas na derrota de 3 x 0 para o Cruzeiro na Vila Belmiro no último compromisso do Peixe no Brasileiro. Soteldo é outro que deverá voltar aos titulares. Rodrigo Fernandez e Mendoza desfalcarão o time paulista.

O Canal Premiere fará a transmissão ao vivo do jogo entre Bahia e Santos na Arena Fonte Nova a partir das 19h50. O árbitro da partida será o catarinense Ramon Abatti Abel (Fifa), auxiliado por Alex dos Santos e Thiaggo Americano Labes, também da Federação de \santa Catarina. No VAR estará o carioca Carlos Eduardo Nunes Braga.

Prováveis escalações:

Bahia: Marcos Felipe; Gilberto, Kanu, Raul Gustavo (Vítor Hugo) e Camilo Cândido; Acevedo, Yago Felipe e Thaciano; Ademir, Rafael Ratão e Everaldo.

Santos: João Paulo; João Basso, Joaquim e Dodô; Lucas Braga, Tomás Rincón, Jean Lucas, Lucas Lima e Kevyson; Soteldo e Marcos Leonardo.