Flamengo sofre em 2020 maior número de goleadas em seis anos

0
36
Flamengo Goleado
Flamengo Goleado (foto: Site Oficial do Atlético MG)

O técnico Domènec Torrent está se notabilizando de uma maneira que com certeza não lhe agrada. Sob seu comando o Flamengo já levou três goleadas este ano e desde 2014 o clube não sofria tanto com placares elásticos em uma temporada.

Desde que assumiu como treinador do atual campeão brasileiro substituindo o português Jorge Jesus, que foi para o Benfica após o vitorioso ano de 2019, Domènec Torrent já amargou três goleadas: 5 x 1 para o Independiente Santa Fé pela Copa Libertadores e as duas últimas mais recentes no espaço de apenas uma semana: 4 x 1 para o São Paulo no Maracanã e no último domingo 4 x 0 para o Atlético (MG) em Belo Horizonte. 

As duas últimas goleadas sofridas acenderam o sinal de alerta na Gávea e entre os motivos, obviamente, está a fragilidade do sistema defensivo, ponto fraco de um elenco milionário. Zagueiros como Gustavo Henrique, por exemplo, não conseguem se firmar e a equipe vem sofrendo bastante nesta região do campo.

Torrent já dirigiu um Flamengo em 24 jogos, com 14 vitórias, quatro empates e seis derrotas. Com ele o time marcou 42 vezes e sofreu 36 gols, com um saldo de seis. Para comparação, com Jorge Jesus – que comandou o rubro negro em 57 jogos – o clube venceu 43, empatou dez e perdeu apenas quatro partidas, com 129 gols marcados e 46 sofridos.

Com tantas goleadas no currículo até aqui Domènec Torrent vem sendo muito criticado pela torcida flamenguista nas redes sociais, que já pede a saída do treinador. O Flamengo ainda está no G4 da Série A e com boas chances de título, mas o espanhol precisa urgentemente acertar sua defesa e não expor a o elenco a novos vexames como os sofridos no último domingo ao cair de quatro para o Galo mineiro.