Vascaínos preocupados com queda de rendimento da equipe

0
29
VAsco derrotado pelo Bahia
foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Vasco começou muito bem o campeonato, chegou a liderar a competição, mas vive uma fase que tem preocupado seus torcedores. O time não vence há quatro jogos, o ataque não funciona – o artilheiro Germán Cano não marca há seis partidas – e a defesa erra seguidamente. 

A goleada por 3 x 0 sofrida contra o Bahia na última quarta-feira acendeu o sinal de alerta e o técnico Ramon precisa trabalhar para a rápida recuperação da confiança da equipe. Neste sábado o Vasco fará o clássico contra o Flamengo, que vem em ótimo momento na Série A, com quatro vitórias consecutivas, e a torcida teme que as fragilidades defensivas levem o time a sofrer outra goleada, agora contra o maior rival.

No jogo contra o Bahia, no Pituaçu, os baianos precisaram de 35 minutos na primeira etapa para construir o resultado e as falhas do sistema defensivo pesaram. O lateral Yago Pikachu teve uma noite horrível e falhou duas vezes. O jogador tem sido muito criticado por torcedores vascaínos e corre sério risco de perder a posição.

A equipe vascaína estacionou nos 18 pontos e ocupa s 10ª posição na tabela de classificação, uma queda assustadora. O baixo rendimento de Cano nas últimas partidas e a ausência de Benitez e Andrey suspensos deixaram o time ainda mais fragilizado contra os baianos e agora precisa buscar a recuperação contra o poderoso Flamengo no sábado. 

Ramon reconheceu o mau momento e a falta de confiança da equipe e pediu um pouco de paciência à torcida, mas sabe que um novo fracasso colocará o clube na primeira crise durante o Brasileirão 2020. O goleiro Fernando Miguel, que completou 100 jogos com a camisa do Vasco, lamentou o resultado tão elástico na derrota para os baianos e prometeu muito espírito de luta contra o maior rival no sábado.

O Cruzmaltino não poderá contar com o volante Bruno Gomes contra o Flamengo no sábado. O atleta foi expulso no jogo contra o Bahia. A partida contra o rubro negro está marcada para as 17 horas, no Estádio São Januário.