Atlético conquista o bicampeonato mineiro

0
29
foto: Site Oficial do Atlético MG
foto: Site Oficial do Atlético MG

O Atlético (MG) jogou com o regulamento debaixo do braço e, mesmo com uma apresentação muito inferior ao que seus próprios torcedores esperavam de um elenco tão diferenciado, conquistou o bicampeonato mineiro neste sábado no Mineirão.

O Galo empatou pela segunda vez consecutiva com o América (MG) em 0 x 0 e levantou a taça. Por ter tido a melhor campanha da fase inicial do estadual o alvinegro tinha a vantagem de jogar por dois empates contra o Coelho.

Foi um jogo nervoso e muito truncado no qual a equipe americana, comandada pelo polêmico técnico Lisca, teve o domínio territorial, mas não conseguiu converter a supremacia em campo em gols que lhe dessem a vitória e o título que persegue desde 2016.

 

foto: Site Oficial do Atlético MG
foto: Site Oficial do Atlético MG

O Galo parecia muito cansado em campo por causa da maratona de jogos pelo Mineiro e pela Libertadores, competição na qual o Atlético (MG) lidera o Grupo H com 13 pontos – melhor campanha até aqui da fase inicial do torneio -, seis a mais que o segundo colocado, o Cerro Porteño do Paraguai. 

O título conquistado na tarde deste sábado foi o 46ºdo Atlético em Minas Gerais. O Cruzeiro tem 38 e o América 16 conquistas no torneio estadual. Com a Raposa em péssimo momento de sua história e na Série B pelo segundo ano consecutivo, o Coelho desponta como o maior adversário do clube atleticano no Estado.

Na final deste sábado o Atlético realmente não esteve bem e o técnico Cuca até precisou fazer algumas modificações quase no final da partida, que teve vários minutos de desconto na etapa final, para tentar esfriar o ímpeto do América. O atacante Lohan do América foi expulso aos 51 minutos do segundo tempo.

Em termos técnicos e emoção foi uma das piores finais dos últimos anos no Campeonato Mineiro. Mais de 180 minutos sem um gol sequer nos confrontos entre Atlético e América. Que venha o Brasileirão!