Fortaleza tem de vencer o Cerro Porteño na Libertadores

0
167
Imagem: Divulgação

O Fortaleza terá de se superar e atuar bem melhor contra o Cerro Porteño do Paraguai nesta quinta-feira, às 19 horas, em Assunção, em busca de uma vaga na fase de grupos da Taça Libertadores. O time brasileiro perdeu o primeiro confronto na capital cearense por 1 x 0 e agora precisa vencer na capital paraguaia para seguir na competição.

O Leão do Pici tem de vencer por dois ou mais gols de diferença para carimbar a vaga. Caso consiga triunfar por 1 x 0 ou 2 x 1, por exemplo, a decisão irá para a cobrança de penalidades, pois a Libertadores não tem mais o critério de gol qualificado quando um clube marca fora de seus domínios.

A partida acontecerá no General Pablo Rojas – também conhecido como La Nueva Olla -, estádio do Cerro com capacidade para 45 mil pessoas. A torcida do time paraguaio é uma das mais fanáticas do continente e o Fortaleza com certeza terá de enfrentar um clima muito hostil fora dos gramados.

O tricolor não vende há três jogos, com derrotas para o Arquirrival Ceará pela Copa do Nordeste e Cerro pela Libertadores e empate com o Ferroviário pelo Campeonato Cearense. Por isto, o técnico do Leão, Juan Pablo Vojvoda, fe um trabalho de intensa motivação com seus comandados para que reajam na temporada.

Vojvoda terá os reforços de Ceballos e Bruno Pacheco, que estavam de fora por conta de um quadro viral. O treinador deverá optar por um esquema 3-5-2 no duelo com o Cerro Porteño em Assunção. Moisés, Pedro Rocha, Lucas Esteves, Dudu e Tinga permanecem entregues ao Departamento Médico do clube cearense.

O canal Paramount + fará a transmissão ao vivo do confronto pela Libertadores para todo o Brasil a partir das 18h45, direto de Assunção. O árbitro da partida será Jesus Valenzuela, auxiliado por Jorge Urrego e Tulio Moreno, todos da Federação Venezuelana de futebol. No VAR estará Juan Soto.