Palmeiras visita o Deportivo Pereira (COL) no jogo de ida das quartas da Libertadores

0
182
Imagem: Reprodução

O Palmeiras encara nesta quarta-feira às 21h30 (de Brasília) o Deportivo Pereira, clube sem muita expressão em Libertadores, no jogo de ida das quartas da competição continental. O confronto ocorrerá no Estádio Hernán Ramirez Villegas e a ordem do técnico Abel Ferreira aos atletas é que lutem por uma vitória que deixaria a equipe bem confortável para decidir a vaga no Allianz Parque, em São Paulo.

O alviverde vem de vitória sobre o Cuiabá pelo Brasileirão, resultado que diminuiu a distância da equipe paulista para o Botafogo, líder da Série A, que está com 11 pontos a mais na tabela de classificação. Mesmo sem ter desistido de conquistar mais um nacional, o principal foco palmeirense, porém, é a Libertadores, competição na qual busca seu quarto título.

O Deportivo Pereira tem feito história em 2023 por ter avançado pela primeira vez a uma quarta de final de Libertadores. O clube, antes um mero coadjuvante mesmo em seu país, também conquistou o Campeonato Colombiano do ano passado e nas oitavas de final eliminou o Independiente Del Valle, do Equador.

Abel Ferreira terá a princípio força máxima para o compromisso contra os colombianos. Jogadores que estavam poupados nos últimos jogos do Verdão pelo Brasileirão estarão de volta nesta quarta fora à noite contra o Deportivo Pereira. O técnico do Palmeiras não pretende priorizar nenhuma competição.

A equipe colombiana, comandada pelo técnico Alejandro Restrepo, tem como dúvida justamente Larry Angulo, um dos principais jogadores do elenco. No jogo contra o Jaguares de Córdoba pela última rodada do campeonato de seu país o atleta saiu de campo com dores no joelho direito. Recém-contratado, Adrian “Rocky” Balboa deverá ser titular no setor ofensivo.

O confronto entre Deportivo Pereira e Palmeiras será transmitido ao vivo para todo o Brasil pela Rede Globo de Televisão a partir das 21h20, direto da Colômbia. O árbitro da partida será  o argentino Facundo Tello, auxiliado por Diego Bonfa e Cristian Navarro, também da Federação Argentina. No VAR estará Mauro Vigliano (ARG).