Botafogo tem de vencer o Defensa y Justicia em Buenos Aires

0
44
Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Líder absoluto do Campeonato Brasileiro com 11 pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o Palmeiras, o Botafogo tem um duro compromisso nesta quarta feira às 19 horas (de Brasília) contra o Defensa y Justicia, no jogo de volta das quarta de final da Copa Sul-Americana. O duelo ocorrerá no Estádio Florêncio Sola, em Buenos Aires.

Como empataram na primeira partida desta fase por 1 x 1 no Nilton Santos, a equipes estão em igualdade de condições na luta pela vaga na semifinal do torneio continental. Se no Rio de Janeiro o técnico botafoguense Bruno Lage escalou nove reservas, hoje em Buenos Aires vários de seus atletas deverão entrar em campo.

O Glorioso sonha em conquistar tanto o Brasileirão quanto a Sul-Americana na atual temporada, mas terá de dosar muito bem as energias, pois no próximo sábado, também em seu estádio, receberá o Flamengo no clássico carioca da 22ª rodada da Série A do Brasileirão-23.

O Defensa y Justicia terminou o Campeonato Argentino na sexta colocação, com 12 vitórias, oito empates e sete derrotas e tem a Sul-Americana como prioridade. O time argentino poupou vário atletas em seu primeiro compromisso pela Copa da Liga de seu país e empatou sem gols com o Platense.

Para o duelo decisivo das quartas de final da Sul-Americana ainda não usará sua força máxima, mas jogadores como os dois laterais, Di Plácido e Marçal – este último recuperado de um problema na panturrilha – começarão como titulares. Bruno Lage tem uma dúvida no comando de ataque, entre o veterano Diego Costa, que marcou dois gols na vitória sobre o Bahia por 3 x 0 na última rodada do Brasileirão, e o jovem e promissor Janderson.]

O técnico do Defensa y Justicia, Júlio Vaccari, tem como desfalque o lateral Alexis Soto, que teve fratura no nariz confirmada após uma lance com Tchê Tchê no jogo de ida no Estádio Nilton Santos. De resto, a bae do time será a mesma que empatou com o Botafogo no Rio de Janeiro.

Apenas o canal Paramount + fará a transmissão direta do duelo entre argentinos e brasileiros a partir das 18h50 (horário de Brasília), direto de Buenos Aires. A arbitragem é toda colombiana, com Jhon Ospinano apito, auxiliado por Dionísio Ruiz e Sebastian Vela. No VAR estará Jhon Perromo.

Prováveis escalações:

Defensa y Justicia: Bologna; Sant’Anna, Gissi, Cardona e Cáceres; Tripichio, Gutiérrez; Solari (Alanis), Barbona e Togni; Fernández.

Botafogo: Gatito; Di Plácido, Adryelson, Cuesta e Marçal (Hugo); Marlon Freitas, Tchê Tchê e Lucas Fernandes; Diego Hernández, Diego Costa (Janderson) e Luís Henrique (Júnior Santos).