São Paulo defende liderança do Grupo D contra Puerto Cabello

0
164
Imagem: Divulgação/Conmebol

Mesmo com o confronto marcado para o Estádio Misael Delgado, na cidade de Valência, na Venezuela, o São Paulo tem uma grande chance nesta terça-feira às 21h30 (horário de Brasília), para dar mais uma passo rumo à classificação no Grupo D da Copa Sul-Americana. Afinal, o tricolor paulista enfrenará a equipe mais fraca da chave, a Academia Puerto Cabello, que está na lanterna e ainda não pontuou na competição.

O time brasileiro lidera o grupo com sete pontos, um a mais que o Tigre. Desde que o técnico Dorival Júnior assumiu o comando do elenco, substituindo Rogério Ceni, a equipe ainda não perdeu. Ao todo o tricolor jogou nove partidas sob o comando de Dorival, com cinco vitórias e quatro empates.

O Puerto Cabello não tem muita experiência em torneios internacionais e perdeu os três jogos que fez até o momento pela Sul-Americana, um deles para o próprio São Paulo, por 2 x 0, em duelo realizado em abril no Estádio do Morumbi, na capital paulista. Mesmo jogando em seus domínios, dificilmente os venezuelanos conseguirão oferecer muita resistência aos brasileiros.

Para o confronto desta terça-feira Dorival Júnior deixou algum de seus atletas titulares no Brasil, poupando-os de uma viagem mais longa e desgastante. Por isto, o treinador deverá optar por uma equipe mista no duelo com os venezuelanos em Valência. O São Paulo quer o elenco mais descansado para a continuidade da temporada.

O Puerto Cabelo, comandado pelo técnico Noel Sanvincente, está muito mal na Sul-Americana, mas lidera o Campeonato Venezuelano. Em seu último compromisso o time bateu o Zamora no final do primeiro turno do nacional. Sanvincente não tem desfalques para o jogo contra o São Paulo.

O jogo entre Puerto Cabello e São Paulo será transmitido ao vivo para o Brasil pelos canais SBT e ESPN a partir das 21h20 (horário de Brasília). O juiz do confronto será o equatoriano Bryan Loyaza, auxiliado por Ricardo Baren e Dennys Guerrero, também do Equador. No VAR estará Roberto Sanchez (EQU).

Prováveis escalações:

Puerto Cabello: Luís Romero; Carlos Rivero, Edwin Peraza, Kevin de la Hoz e Diego Osio; Junior Cedeño, Gideon Llya, Raudy Guerrero e Williams Lugo; Danny Perez e Luífer Hernández.

São Paulo: Rafael; Raí Ramos, Diego Costa, Alan Franco e Patryck (Caio Paulista); Pablo Maia, Luan, Michel Araújo e Alisson; Luciano (Wellington Rato) e Calleri (Juan).