Simeone assusta torcida do Atlético de Madrid admitindo que poderá sair

0
195
Simeone
Simeone (foto: Site Oficial do Atlético de Madrid)

A torcida do Atlético de Madrid tremeu com uma declaração dada por Diego Simeone após a derrota e desclassificação do clube da Copa do Rei diante do modesto Cornella, de divisões inferiores do futebol espanhol. Mesmo com a equipe brigando pelo título de La Liga, que atualmente lidera, e apresentando um ótimo futebol, o resultado perturbou o treinador, que já admite a possibilidade de sair.

– Precisamos buscar soluções para o que houve aqui, caso ainda estivermos aqui no ano que vem – declarou Simeone depois da inesperada derrota.

O treinador está no comando da equipe madrilenha desde 2011 e o “casamento” entre o clube e o argentino tem sido dos mais felizes da história na Espanha. Nos colchoneros Simeone conquistou duas Ligas Europa, uma Supercopa da Uefa, um campeonato espanhol, uma Copa do Rei e uma Supercopa da Espanha e foi escolhido o melhor técnico de Liga na temporada 2015/2016.

Aos 50 anos, Simeone tem contrato com o Atlético de Madrid até 2022 e o simples fato de admitir a possibilidade de sair já perturba torcedores e dirigentes do clube espanhol. Na verdade, o argentino já é o técnico que mais títulos já conquistou com os Colchoneros em toda a história do clube.

Apesar da preocupação dos torcedores, Simeone já iniciou as primeiras negociações para renovar com o Atlético por mais algumas temporadas e a frase dita após a derrota de 1 x 0, que eliminou o clube da Copa do Rei pode ter sido apenas um desabafo de insatisfação com o péssimo e inesperado resultado diante do fraco Cornella. 

É isto ao menos que os colchoneros esperam de alguém que já tem status de grande ídolo do clube no qual também atuou como jogador antes de tornar-se um vitorioso treinador.