Técnico do PSG justifica derrota para o Leipzig: desfalques e falta de ritmo

0
30
psg logo

O Paris Saint Germain perdeu de virada por 2 x 1 para o Leipzig da Alemanha na casa do adversário depois de ter aberto a contagem com um gol do argentino Di Maria aos 5 minutos do primeiro tempo. O mesmo jogador teve a chance de ampliar aos 15, mas perdeu um pênalti e deu moral ao Leipzig para buscar o empate e a virada. Irritado, o treinador do PSG, Thomas Tuchel lamentou a ausência de alguns atletas importantes no confronto da última quarta-feira pela Uefa Champions League.

Para o alemão Tuchel, o time poderia até ter saído com a vitória em seu país natal se Di Maria tivesse convertido o pênalti ainda no primeiro tempo. Porém, as ausências de Neymar, Mbappé, Icardi, Verrati e Draxler, todos com lesões, pesaram muito. O treinador lamentou que o elenco não tenha muitas peças de reposição de qualidade e a falta de ritmo por conta dos desfalques. Tuchel lembra que se trata de um grupo difícil.

A derrota custou caro ao atual vice-campeão da Champions. O PSG agora está em terceiro lugar do Grupo H do torneio, com apenas três pontos, ao lado do Istanbul Basaksehir. O Manchester United lidera a chave com seis pontos e o Leipzig está em segundo.

No próximo dia 24 o PSG reencontrará o Leipzig no jogo de volta da fase de grupos e precisará vencer para manter suas chances de classificação para a fase de mata-mata da Champions.