Cuiabá e América (MG) medem forças pelo Brasileiro

0
24
Cuiaba Esporte Clube
Imagem: Divulgação

Cuiabá e América (MG) se enfrentam nesta sexta feira às 20 horas (de Brasília) na Arena Pantanal, no prosseguimento da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. As equipes estão em fases distintas, com os donos da casa atravessando um inferno astral na competição _ o Dourado perdeu seus quatro últimos jogos – e o Coelho vindo de dois triunfos em sequência.

O time do Centro-Oeste ainda está em 11ª lugar, com 28 pontos, e tem boa chance de classificação pelo menos para a Copa Sul-Americana. Entretanto, o Cuiabá perdeu os últimos jogos, para Athletico (PR), Palmeiras, Bragantino e Grêmio, preocupando seus torcedores pela grande queda de rendimento.

O América Mineiro ainda está na zona de rebaixamento, com 16 pontos, seis a menos que o primeiro time fora do Z-4 do Brasileirão. Porém, o Coelho venceu seus dois últimos compromissos e se triunfar no duelo desta sexta-feira certamente sairá da vice-lanterna e dará mais um passo para sair da região da degola.

O técnico do Cuiabá, o português António Oliveira, terá força máxima para o compromisso de hoje na Arena Pantanal. Raniele e Marllon voltam de suspensão e o atacante Clayson e o lateral-esquerdo Uendel estão recuperados de contusão e já estão à disposição do treinador, embora possam começar o jogo no banco de reservas.

O América (MG), treinado por Fabián Bustos, terá o retorno de Mastriani, que estava suspenso e não enfrentou o Santos na última rodada. Benitez, Mikael e Daniel Borges treinaram normalmente e poderão retornar contra o Dourado nesta sexta-feira à noite na Arena Pantanal.

O jogo na Arena Pantanal terá a transmissão ao vivo para todo o Brasil pelo Canal Premiere a partir das 19h50 (de Brasília). O árbitro do confronto será Bruno Arleu de Araújo (Fifa/RJ), auxiliado por Thiago Rosa de Oliveira (RJ) e Anne Kesy Gomes de Sá (Fifa/AM). No VAR estará o paulista José Cláudio Rocha Filho, também do quadro de árbitros da Fifa.

Prováveis escalações:

Cuiabá: Walter; Matheus Alexandre, Marllon, Alan Empereur e Rikelme; Raniele, Fernando Sobral e Ceppelini; Jonathan Cafu (Wellington Silva), Clayson e Deyverson.

América (MG): Cavichioli; Ricardo Silva, Maidana e Avelar; Mateus Henrique, Juninho, Lucas Kal, Martínez e Rodriguinho (Nicolas); Mastriani e Varanda (Felipe Azevedo).