Sport visita o Ceará de olho na ponta da Série B

0
108
Sport Recife

Ainda na briga pelo título da Série B, o Sport enfrenta o Ceará nesta sexta-feira às 19 horas na Arena Castelão, em Fortaleza, pela 34ª rodada do torneio nacional. O time pernambucano terá pela frente um adversário que não tem mais chance de acesso, mas que tem dado muito trabalho ao Leão rubro negro nos últimos tempos.

O Vozão, mandante do confronto de hoje, está na 11ª posição, com 43 pontos, bem longe da faixa de classificação para a elite. na última rodada o alvinegro perdeu de 1 x 0 para o Avaí na Ressacada e já está há seis jogos sem um triunfo. Embora não tenha mais chance de acesso, o Ceará quer pelo menos terminar com dignidade o campeonato. Nos últimos quatro confrontos entre as duas equipes os cearenses venceram três e perderam apenas uma vez.

O Leão rubro negro de Recife tem feito uma campanha muito irregular no retorno, mas ainda se mantém no G-4. O time comandado por Enderson Moreira tem 59 pontos e está na vice-liderança, com cinco a menos que o Vitória. O quinto colocado, o Guarani, tem 55, por isso a classificação para a Série A ainda não assegurada, o que obriga os pernambucanos a lutarem por um bom resultado em Fortaleza.

O Ceará não poderá contar com o atacante Janderson e o zagueiro David Ricardo, que estão suspensos. Por outro lado, o time terá o retorno de Erick. O Vozão tem vários atletas pendurados e precisa tomar cuidado para não jogar bastante desfalcado contra o Botafogo (SP) na próxima rodada.

Apesar da irregularidade em boa parte do segundo turno o Sport não perde há oito jogos e vem de uma vitória sobre a Chapecoense na Ilha do Retiro. Para o confronto desta sexta-feira pela 34ª rodada o técnico Enderson Moreira não terá o lateral-esquerdo Felipinho (suspenso) e o zagueiro Sabino, que está com entorse no tornozelo e nem mesmo viajou para Fortaleza.

O duelo nordestino pela Série B terá a transmissão ao vivo do canal Premiere para todo o Brasil a partir das 18h50, direto da Arena Castelão, em Curitiba. O juiz do confronto será o carioca Yuri Elino Ferreira da Cruz, auxiliado por Luiz Cláudio Regazone e Carlos Henrique Alves de Lima Filho, também do Estado do Rio de Janeiro. No VAR estará Rodrigo Nunes de Sá (Fifa/RJ).