Americanos deverão investir R$ 1,65 bilhão na Inter de Milão

0
60
Internazionale

Líder absoluta do campeonato italiano com nove pontos de vantagem sobre o arquirrival da mesma cidade Milan, a Internazionale ainda poderá anunciar nas próximas semanas um acerto milionário para as finanças da empresa que controla a agremiação.

A Suning, empresa chinesa, detém 68,55% das ações do clube milanês e passa por um período de crise acentuada. Para se ter uma ideia dos problemas da companhia, o clube Jiangsu Suning, controlado pelo grupo chinês, chegou a encerrar suas atividades.

Quem injetaria o dinheiro seria o grupo americano Fortress, que investiria a quantia de 250 milhões de Euros (R$ 1,65 bilhão pelo câmbuio atual). O investimento inicial seria de 150 milhões de Euros, com o restante da quantia entrando depois, em uma segunda etapa.

Pelo acordo a Fortress se tornaria apenas um acionista minoritário as Internazionale. Uma reunião entra as partes envolvidas deverá ocorrer ainda esta semana para tentar fechar o negócio. O LionRock Capital detém 31,05% das ações da Inter, a Pirelli 0,37% e o restante das ações pertencem a acionistas de menor porte.

A Inter de Milão passa por um excepcional momento no campeonato italiano. O clube não apenas ultrapassou o Milan, que chegou a liderar a competição por várias rodadas, como está agora nove pontos na frente do arquirrival, faltando 11 rodadas para o término do torneio nacional de cálcio.

Se confirmar o título a Inter conquistará sua 19ª taça, desempatará a disputa com o próprio Milan, que tem 18, e quebrará uma sequência de nove conquistas consecutivas da Juventus, rompendo enfim a monotonia que tomou conta do campeonato italiano na última década. Só boas notícias para os nerazzurri.