Diego Cerri, ex-executivo do Bahia, perto de fechar com o Grêmio

0
107
Diego Cerri (foto: EC Bahia / Divulgação)
Diego Cerri (foto: EC Bahia / Divulgação)

O Grêmio deixou bem encaminhada a ida para a Arena do ex-executivo de Ceará e Bahia, Diego Cerri, de 46 anos, que sempre foi o favorito da diretoria do tricolor de Porto Alegre para assumir o Departamento de Futebol do clube.

Dirigentes gremistas chegaram a entrevistar alguns candidatos ao cargo nas últimas semanas, mas o retrospecto de Cerri nos clubes em que esteve nos últimos anos agradou bastante. Por isso o Grêmio já fez uma proposta oficial ao executivo e aguarda para breve uma resposta, que provavelmente será positiva.

Se contratado, Diego Cerri ficará subordinado ao vice de futebol Marcos Herrmann e ao CEO gremista Carlos Amoedo, mas com muita margem de liberdade para atuar no departamento de futebol do tricolor de Porto Alegre.

Cerri iniciou a carreira no futebol em 2008 no Grêmio Barueri (SP), onde foi preparador físico, técnico interino e diretor de futebol. Depois teve uma curta passagem pelo Red Bull Bragantino, clube também do Estado de São Paulo, mas se destacou principalmente no Ceará e no Bahia.

No alvinegro cearense ele ficou de 2013 a 2015 e conquistou o bicampeonato estadual de 2013 e 2014 e a Copa do Nordeste de 2015. No Ceará ele foi o responsável, por exemplo, pela contratação do jovem e habilidoso meia Nikão, que hoje se destaca no Athletico (PR). 

No Bahia o executivo conduziu o Bahia ao acesso à Série A em 2016 e no ano seguinte também ao título da Copa do Nordeste. Além disso, foi tricampeão baiano em 2018, 2019 e 2020. Cerri deixou o clube baiano em dezembro de 2020, mas deixou uma porta aberta para o retorno ao tricolor de aço. 

Cerri tem um estilo mais ousado em termos de  contratações e é considerado alguém com muita visão no chamado mercado da bola.