Dirigente do Internacional critica arbitragem para jogo contra o Flamengo

0
81
Marcelo Medeiros
Marcelo Medeiros (foto: Ricardo Duarte / Internacional)

O jogo entre Internacional e Flamengo, atuais líderes da Série A do Brasileirão com 34 pontos cada, só ocorrerá no próximo domingo em Porto Alegre, mas já está rendendo polêmicas no meio da semana. O presidente do clube gaúcho, Marcelo Medeiros, criticou a escala para arbitro de vídeo (VAR) e teme que seu time possa ser prejudicado contra o atual campeão brasileiro.

O responsável pelo VAR será nada menos que Elmo Alves Rezende, envolvido em uma polêmica no jogo entre Grêmio e São Paulo, que levou inclusive o tricolor do Rio Grande do Sul a pedir a anulação da partida, que terminou empatada em 0 x 0.

Na ocasião Elmo Alves Rezende não seria o responsável pelo VAR na partida, mas a troca ocorreu após uma reunião de representantes da CBF com gremistas, que não concordavam com a saída de Rodolpho Toski Marques, escalado inicialmente para a função. O jogo acabou tendo algumas polêmicas de arbitragem e o Tricolor pediu a anulação.

Para o presidente do Internacional, o confronto com o Flamengo será o mais importante da próxima rodada e poderá definir quem acabará o primeiro turno do Brasileirão em primeiro lugar. Com isso, destacou o dirigente colorado, Elmo Alves Rezende não deveria ter sido escalado para árbitro de vídeo. 

Lembrando que vários clubes já levantaram suspeitas de que o uso do VAR tem sido parcial, beneficiando alguns times, entre os quais o próprio Flamengo, que obviamente descarta tal favorecimento. A aproximação da data do grande jogo deverá acirrar ainda mais os ânimos de colorados e rubro negros e troca de farpas entre os dois clubes.