Falhas na zaga preocupam e irritam torcida do Flamengo

0
26
Flamengo

Goleado em pleno Maracanã por 4 x 1 pelo São Paulo no último domingo, o desastroso resultado demonstrou mais uma vez que mesmo com excelentes jogadores no elenco, o Flamengo, atual campeão brasileiro, sofre com uma defesa insegura e ausências de peças de reposição para este setor do campo.

A contusão de Rodrigo Caio e principalmente a saída do zagueiro espanhol Pablo Marí, que foi para o Arsenal da Inglaterra, deixaram o sistema defensivo flamenguista fragilizado e tanto Leo Pereira quanto, principalmente Gustavo Henrique têm recebido muitas críticas da fanática e exigente torcida rubro negra.

Na partida contra o São Paulo Gustavo Henrique falhou em dois gols do adversário. Ele cortou errado um cruzamento no pé do artilheiro Brenner e cometeu um pênalti dos mais infantis, chutando desnecessariamente a perna de bruno Alves dentro da área. 

A torcida rubro negra, obviamente, não perdoou o zagueiro e nas redes sociais usou expressões como “pipoqueiro”, “tosco” e “bisonho” para definir o atleta, que saiu de campo visivelmente abatido e com as mãos sobre os olhos, aparentemente chorando.

A verdade é que o técnico Domènec Torrent tem nas mãos ótimos atacantes e meio-campistas, mas ainda não encontrou a zaga ideal e, por mais que o Flamengo ainda se mantenha como o mais forte candidato a conquistar mais um título brasileiro, precisa solucionar logo as carências defensivas.