Fluminense e Vasco fazem primeiro clássico carioca do Brasileirão-24

0
216
Campeonato Brasileiro
Imagem: Divulgação

Hoje é dia do primeiro clássico carioca do Brasileirão-24, com tabu de mais de um ano em campo. O atual campeão da Libertadores e da Recopa Sul-Americana, o Fluminense, tenta voltar a vencer um de seus principais rivais no Estado do Rio enfrentando o Vasco no Maracanã a partir das 16 horas.

O clássico faz parte da terceira rodada da Série A e o Cruzmaltino está em melhor posição que o adversário neste início de torneio. O Gigante da Colina tem três pontos, com a vitória sobre o Grêmio na estreia, mas na rodada passada perdeu para o Bragantino por 2 x 1 no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. O tricolor ainda não venceu no Brasileirão deste ano e também tropeçou na última rodada, superado pelo Bahia por 2 x 1 na Arena Fonte Nova.

O incômodo jejum de 13 clássicos sem vencer é o maior da história do Fluminense, igualado aos que ocorreram em 1961/1962 e 1995/1996. O Vasco, por outro lado, só perdeu um dos duelos com os grandes do Rio desde que o técnico Ramon Diaz chegou ao clube no ano passado. No último confronto entre tricolores e cruzmaltinos os últimos venceram por 4 x 2, no Estádio Nilton Santos.

Para o jogo deste sábado o técnico tricolor, Fernando Diniz, terá os retornos de Felipe Melo e Marcelo, poupados contra o Bahia na rodada passada. Tudo indica que o volante Martinelli será mais uma vez titular. Diogo Barbosa e Lima voltam ao banco de reservas no clássico de hoje.

No Vasco Ramon Diaz tem desfalques importantes. O francês Payet, maior nome do elenco no momento, ainda não está se recuperando de uma contusão e ficará de fora. Outro que não atuará é Medel, que está no Chile. Maicon deverá começar na defesa ao lado de Léo. Hugo Moura tem chance de estrear.

O clássico entre Fluminense e Vasco pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro deste ano terá a transmissão ao vivo pelo Canal Premiere para todo o Brasil a partir das 15h50, direto do Estádio do Maracanã. A arbitragem será do goiano Wilton Pereira Sampaio, do quadro da Fifa, auxiliado por Bruno Boschilia (Fifa/PR) e Leone Carvalho Rocha (GO). No VAR estará Rodolpho Toski Marques (Fifa/PR).