Santos e Corinthians fazem clássico na Vila Belmiro pela Série A

0
148
Imagem: Divulgação/CBF

Com as duas equipes na segunda metade da tabela, Santos e Corinthians fazem nesta quarta-feira às 20 horas, na Vila Belmiro, mais uma edição de um dos clássicos mais tradicionais do futebol brasileiro. O confronto faz parte da 11ª rodada da Série A do Brasileirão-23.

O Santos está em 13º lugar na tabela, com 13 pontos, e vem de oito jogos sem vitória, com eliminações na Copa do Brasil e na Sul-Americana. O momento do clube é delicado e dirigentes e jogadores têm enfrentado pressão por parte dos torcedores, que realizaram um protesto no último sábado.

O Corinthians está em situação ainda pior, pois ocupa somente a 16ª posição na classificação, com nove pontos, um a mais que o Goiás, equipe que no momento abre a zona da degola do campeonato. O Timão foi eliminado da Conmebol Libertadores pelo Independiente Del Valle e, pela Série A, perdeu para o América (MG) em Belo Horizonte e empatou com o Cuiabá de 1 x 1 em plena Neo Química Arena, num jogo em que começou atrás no placar e sofreu muito para conseguir o empate. O técnico Vanderlei Luxemburgo ainda não conseguiu dar um padrão de jogo à equipe, que também vem sofrendo com problemas de contusões na temporada.

O único desfalque do técnico Odair Hellmann para escalar o Santos será o volante Alison, que sofreu uma lesão nos ligamentos do joelho esquerdo e teve de passar por uma cirurgia. Por outro lado. o treinador voltou a contar com Lucas Braga, Deivid Washington e Luan Dias, todos recuperados de contusões.

O clássico paulista entre Santos e Corinthians será transmitido ao vivo pelo Canal Premiere para todo o Brasil a partir das 19h50, direto do Estádio da Vila Belmiro. O árbitro da partida será Leandro Pedro Vuaden, auxiliado por Rafael da Silva Alves e Tiago Augusto Kappes, Diel, todos do Rio Grande do Sul. No VAR estará o catarinense Rafael Traci.

Prováveis escalações:

Santos: João Paulo; João Lucas, Messias, Joaquim e Gabriel Inocêncio; Rodrigo Fernández, Dodi e Lucas Lima; Mendoza, Marcos Leonardo e Soteldo.

Corinthians: Cássio; Fagner, Gil, Caetano e Matheus Bidu; Fausto Vera, Maycon e Ruan Oliveira; Guilherme Biro, Roger Guedes e Yuri Alberto.