Mozart Santos quer repetir no Cruzeiro bom trabalho no CSA em 2020

0
109
Mozart Santos
Mozart Santos (foto: Divulgação / Cruzeiro)

Sai Felipe Conceição e entra Mozart Santos como treinador do Cruzeiro com o objetivo de tirar o time estrelado da lanterna da Série B do Brasileirão e, de preferência, levar o clube mineiro de volta à elite do futebol brasileiro em 2022. O novo técnico já pediu à diretoria a contratação de pelo menos cinco reforços.

O novo comandante cruzeirense trabalhou com sucesso no CSA na temporada de 2020 e espera repetir o desempenho no clube mineiro. Na época o Azulão de Alagoas estava na zona de rebaixamento da Série B e Mozart não apenas tirou a equipe da incômoda situação como brigou até a última rodada pelo acesso à elite nacional.

No CSA Mozart trabalhou com o diretor de futebol do Cruzeiro, Rodrigo Pastana, que não perdeu tempo em buscar um substituto para Felipe Conceição, que não resistiu a dois resultados negativos nas rodadas iniciais da Série B – derrotas para o Confiança em Sergipe e CRB em pleno Mineirão. A gota d’água para saída do treinador, porém ocorreu no meio da semana com a humilhante desclassificação da Copa do Brasil para o fraco Juazeirense da Bahia.

Felipe Conceição, aliás, saiu atirando contra a diretoria do clube mineiro. Por meio das redes sociais o treinador disse que não tinha autonomia para trabalhar e que sofria muitas interferências nos bastidores do clube. Mesmo assim, Conceição agradeceu à instituição e aos torcedores cruzeirenses pelo período passado em Belo Horizonte e desejou sucesso no esforço de restruturação do clube, que passa pela maior crise de sua longa e vitoriosa história.

No próximo sábado (12) às 21 horas o Cruzeiro voltará a campo pela terceira rodada da Série B. A equipe enfrentará o Goiás no Mineirão, já sob o comando de Mozart Santos. Uma nova derrota em casa poderá jogar o clube numa crise ainda mais profunda.