Flamengo oferece 12 milhões de euros por joia do Santos

0
145
Foto: Divulgação/Santos F.C.

Como já era esperado, o Flamengo – clube brasileiro com melhor saúde financeira do momento – fez uma proposta oficial para tirar o jovem Ângelo, joia da base do Santos, do alvinegro praiano. O rubro negro ofereceu nada menos que 12 milhões de euros (cerca de R$ 66 milhões na atual cotação) por 50% dos direitos do atacante do Peixe.

O clube paulista quer pelo menos dois milhões de euros a mais pelo seu promissor atacante, mas pode até aceitar a negociação por estar em um delicado momento financeiro, com uma dívida superior a R$ 400 milhões, segundo as estimativas mais recentes da própria diretoria santista.

O Santos espera ficar com pelo menos 30% dos direitos do atleta para poder lucrar caso Ângelo seja negociado para o futebol europeu, por exemplo. O Peixe tem 70% dos direitos do atacante e os restantes 30% pertencem ao próprio jogador, que aparentemente deseja se transferir para o Flamengo.

Ângelo está em fase de recuperação de um edema na coxa esquerda, mas voltou a treinar na última segunda-feira e está muito perto de retornar aos gramados. O Flamengo está confiante de que conseguirá o reforço da joia santista, mas outro problema que terá de ser contornado pela diretoria do clube paulista é a pressão da torcida do alvinegro praiano pela permanência do atacante na Vila Belmiro.

O Peixe amargou recentemente uma dura desclassificação do Campeonato Paulista ainda na fase de grupos do torneio. O clube está sem dinheiro para fazer grandes contratações e os torcedores têm pressionado bastante, pedindo a saída do técnico Odair Hellmann e mesmo do presidente santista, Andrés Rueda. A torcida não esconde sua irritação e pede o retorno de Dorival Júnior ao comando do elenco, mas a diretoria do clube ainda não se posicionou a respeito e por enquanto Odair Hellmann está mantido no cargo. A venda de Ângelo, portanto, pode subir ainda mais a temperatura na Vila Belmiro.