Lanterna da Série A, Grêmio já cogita a demissão do técnico Tiago Nunes

0
95
Tiago Nunes
Tiago Nunes (foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

A crise chegou forte no Grêmio e o cargo do técnico Tiago Nunes parece por um fio no tricolor gaúcho. A equipe perdeu mais uma vez na Série A, desta vez para o “doméstico” Juventude por 2 x 0 em Caxias do Sul, e sustenta a lanterna da competição nacional.

Pior do que a colocação é o péssimo futebol apresentado pelo tetracampeão gaúcho no Brasileirão. Nas oito primeiras rodadas o Imortal somou apenas dois pontos e o time já não vence há seis jogos. Trata-se da pior campanha no início de uma Brasileirão que o Grêmio registra na era dos pontos corridos.

Tiago Nunes substituiu o ídolo Renato Gaúcho, que ficou no Grêmio por vários anos, conquistou muitos títulos, mas já estava desgastado no comando do elenco. Jovem e com ideias mais modernas, o novo treinador era visto como uma boa aposta pela diretoria gremista.

O problema é que Tiago Nunes já está há cerca de 60 dias no comando do elenco e dirigiu o time em 15 oportunidades, mas os resultados positivos não chegam e o clima nos bastidores do clube está em ebulição.

Nas redes sociais a apaixonada torcida do tricolor gaúcho já pede a saída do treinador e não falta quem peça o retorno de Renato Gaúcho ao comando do time. Os torcedores também pressionam a diretoria por mais reforços, pois consideram o elenco apenas mediano para a disputa da Série A do Brasileirão.

Na próxima rodada o Grêmio enfrentará o Atlético (GO) na arena, em Porto Alegre e o vice de futebol do clube, Marcos Herrmann, e o presidente do tricolor Romildo Bolzan deixaram claro que qualquer outro resultado que não seja a vitória sobre o rubro negro goiano resultará na saída de Tiago Nunes. A situação do treinador está tensa e não há mais tempo para erros, na visão da diretoria.