Abel pode despedir-se do Internacional com título

0
182
Abel Braga
Abel Braga (foto: Ricardo Duarte / Internacional)

O Internacional não depende apenas de si para levantar a taça de campeão brasileiro após mais de 40 anos de jejum. O clube precisa vencer o Corinthians em Porto Alegre nesta quinta-feira, às 21h30, e torcer para que o Flamengo não derrote o São Paulo no mesmo da e horário no Morumbi. Mas se conseguir realizar o feito o técnico Colorado, Abel Braga, poderá dizer adeus ao clube gaúcho com mais um título e reescrever mais um capítulo em sua vitoriosa história no Beira-Rio.

O técnico espanhol Miguel Ángel Ramirez já tem um acerto com o clube brasileiro para assumir o Internacional a partir da próxima segunda-feira. O acordo surgiu depois que Eduardo Coudet saiu do Colorado e seguiu para a Europa. 

Na ocasião o Inter contratou mais uma vez Abel Braga para o lugar do argentino e nada parecia fluir bem. O time patinava no Brasileirão e perdeu a liderança que chegou a ocupar por várias rodadas. Com o tempo, porém, o Colorado se recuperou e voltou ao topo conseguindo várias vitórias consecutivas.

Alguns membros da diretoria e parte da torcida chegaram a defender que Abel ficasse no cargo, o que dificilmente ocorrerá. As derrotas para o Sport em casa por 2 x 1, que reduziu de quatro para apenas um ponto a vantagem do Internacional sobre o vice-líder Flamengo e, depois, o insucesso contra o próprio rubro negro no Maracanã – 2 x 1 para o atual campeão brasileiro no Maracanã – geraram mais uma vez insatisfação entre os torcedores, que ainda sonham com o título na quinta-feira, mas não querem mais Abel.

Independentemente de sua saída, o treinador já tem seu nome registrado na história do clube gaúcho no qual conquistou uma Taça Libertadores e um Mundial da Fifa. Agora, Abel sonha apenas com mais um título de campeão – o mais desejado pelos torcedores colorados – para enfim dizer adeus.