Internacional sofre com constantes expulsões na temporada

0
35
Eduardo Coudet
Eduardo Coudet (foto: Ricardo Duarte)

Em queda no rendimento na Série A do Brasileirão, que chegou a liderar por algumas rodadas, e ainda em busca de confirmar sua classificação na Copa Libertadores, o Internacional (RS) tem sofrido seguidamente com expulsões em 2020. Neste ano o Colorado já teve 13 expulsos nas diferentes competições, demonstrando a instabilidade emocional dos atletas.

O número é ainda mais impressionante se for levado em conta que o clube gaúcho lidera o total de cartões vermelhos não apenas no Brasil, mas em toda a América do Sul na temporada. O time já se habituou a terminar as partidas com pelo menos um atleta a menos em campo, o que obviamente prejudica o rendimento nos jogos.

A partida contra o Grêmio no último sábado, que terminou 1 x 1, foi a terceira consecutiva em que atletas do Internacional acabaram expulsos do campo. Os três jogos, inclusive o Gre-Nal, terminaram empatados. O fato de o Colorado já não vencer o maior rival desde 2018 (11 partidas ao todo) parece ter perturbado as emoções dos atletas colorados nas últimas edições do clássico gaúcho.

O Grêmio, porém, não fica muito atrás do Inter e em termos de cartões vermelhos só perde para o próprio colorado. O Tricolor teve dez expulsos na temporada de 2020. Lembrando que no primeiro jogo entre os dois times pela Libertadores deste ano nada menos que oito atletas – quatro de cada lado – foram para o chuveiro mais cedo.

Com os jogadores tão nervosos em campo o técnico Eduardo Coudet precisa de alguma maneira acalmá-los e conscientizar o grupo que expulsões corriqueiras só prejudicam o clube na disputa das competições em que ainda está envolvido. Alguns já cogitam até que um psicólogo faça um trabalho com os atletas para os próximos confrontos.