Cruzeiro tem quase 50% de chance de cair para a Série C

0
53
Treino do Cruzeiro
Treino do Cruzeiro (Foto: Bruno Haddad / Cruzeiro)

Se antes os tão sofridos torcedores do Cruzeiro faziam cálculos e ainda sonhavam com o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro, o momento passou a ser de muita preocupação e contas para entender como escapar de um novo e ainda mais vexatório rebaixamento.

Os mineiros estão em 19º lugar na tabela de classificação na Série B e precisam no momento focar em não cair novamente. Segundo cálculos do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a equipe celeste tem nada menos que 48,9% de chance de rebaixamento para a Série C do Brasileirão.

Embora o campeonato não tenha ainda chegado à metade, a situação do Cruzeiro mais uma vez é muito preocupante. A Raposa tem apenas 12 pontos dos 42 que disputou até o momento, um pífio aproveitamento de 28% na Série B, sem dúvida um índice de rebaixado e não de promovido à elite.

Pior ainda, o Cruzeiro não vence um jogo desde o último dia 24 de junho – portanto há mais de um mês -, quando derrotou o Vasco por 2 x 1 no Estádio do Mineirão. Ao todo a Raposa conseguiu duas vitórias e seis empates, perdendo seis partidas no torneio nacional.

O técnico Mozart Santos tem tentado de tudo e ainda não repetiu uma escalação desde o início da Série B, sem qualquer resultado mais significativo para estancar a queda cruzeirense. O ataque marcou apenas 16 gols, mas sofreu 23, demonstrando que o baixo desempenho é patente em todos os setores da equipe.

Na próxima rodada o Cruzeiro enfrentará no Mineirão o Londrina, também na zona de rebaixamento e uma colocação acima dos mineiros. Os paranaenses têm o mesmo número de pontos que a Raposa, mas estão na frente por conta do saldo de gols. 

A vitória no jogo marcado para sexta-feira às 21h30 é crucial para que o time celeste comece a sair da difícil situação em que se encontra e, quem sabe, voltar a dar alguma esperança aos seus apaixonados torcedores.