Vasco gira a chave e se prepara para encarar o Goiás em Goiânia

0
71
Vasco enfrenta o Goias
Vasco enfrenta o Goiás

O Grêmio, com quem o Vasco empatou por 0  x 0 em São Januário, já é passado e agora o cruzmaltino precisa se preparar para encarar um grande desafio, o de derrotar o Goiás em Goiânia por mais de um gol de diferença e conseguir a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil sem a necessidade de decisão por pênaltis.

O ataque vascaíno, que vinha bem nas primeiras três partidas do Brasileirão, não produziu muito no confronto com o Tricolor gaúcho. Germán Cano, Thalles Magno e Vinícius não balançaram as redes pela primeira vez desde o início do Brasileirão deste ano, nem o meia Fellipe Bastos conseguiu acertar mais um de seus grandes e potentes chutes de fora da área. 

Porém, a equipe – atualmente vice-líder da série A, com dez pontos ganhos em quatro jogos – mantém o otimismo e a motivação para pegar o Goiás e superar a desvantagem. Se o placar terminar 1 x 0 haverá cobrança de pênaltis para decidir o classificado para a próxima fase.

Jogadores e comissão técnica têm sempre lembrado que a derrota para os goianos em São Januário aconteceu antes da pandemia de Covid-19, com outro técnico (Abel Braga) e em outra realidade. O Vasco melhorou muito sob o comando de Ramón e todos garantem que a equipe está preparada para o desafio.

O Goiás não vai muito bem no Brasileirão. Está na 15ª posição na tabela com quatro pontos ganhos em quatro jogos disputados. Além disso, o Esmeraldino goiano teve sérios problemas com a pandemia, pois nada menos que 15 de seus atletas testaram positivo para a Covid-19, dando dor de cabeça para o técnico Ney Franco – que acabou demitido pela diretoria – para escalar o time. O novo técnico do Goiás é Thiago Larghi.