Napoli tenta recuperação contra o Lecce fora de casa

0
352
Imagem: Divulgação

Goleado em casa por 4 x 0 pelo Milan na última rodada do Calcio, o Napoli, líder absoluto do Campeonato Italiano, enfrenta o Lecce fora de casa nesta sexta-feira da Paixão querendo demonstrar que o que ocorreu foi tão somente um acidente no percurso rumo a um título que não conquista há mais de 30 anos.

O duelo dos napolitanos com o Lecce ocorrerá às 14 horas (horário de Brasília) e o técnico dos Azuis, Luciano Spaletti poderá poupar alguns jogadores. Afinal, o Napoli voltará a enfrentar o Milan no meio da próxima semana, desta vez pelas quartas de final da Uefa Champions League.

O time do sul da Itália está com 71 pontos na tabela de classificação do Calcio, 16 na frente do vice-líder Lazio, e faltam dez rodadas para o final do campeonato. Apesar da inesperada goleada sofrida em pleno Estádio Diego Armando Maradona em seu último compromisso, dificilmente o Napoli deixará escapar o título da temporada. Por isto, Spaletti tende a descansar alguns de seus principais atletas.

O Lecce ocupa a 16ª posição, com 27 pontos, oito a mais que o Verona, primeira equipe a figurar na zona de rebaixamento. O adversário do Napoli nesta sexta-feira não tem grandes estrelas e possivelmente terminará o campeonato na parte de baixo da tabela, embora fora da degola. Os donos da casa, porém, perderam as cinco últimas partidas que disputaram, por isto precisam de um bom resultado contra o líder.

A ausência do craque Osimhen foi muito sentida pelos napolitanos na partida contra o Milan. O atleta é muito criativo e habilidoso e mais uma vez não estará em campo no compromisso contra o Lecce. Lesionado, o atleta está passando por um período de tratamento intensivo para que possa regressar pelo menos no segundo jogo das quartas de final da Champions, contra o Milan.

Em sua história o Napoli só conquistou dois títulos italianos. Ambos quando o maior jogador de todos os tempos do clube, o argentino Diego Maradona estava em campo. Na época o time, que contava ainda com o brasileiro Careca, entre outros craques, ainda levantou uma taça da Liga dos Campeões da Europa e uma Copa do Itália. Se conseguir chegar á final da Champions, levar o troféu e ainda faturar o Calcio da Bota, a atual geração certamente entrará também para a história do clube azul.

Embora Osimhen esteja mais uma vez de fora de uma escalação, seu companheiro Kvaratskhelia – outra das grandes estrelas da campanha napolitana este ano – está confirmado pelo técnico Luciano Spaletti. Apesar da grande vantagem na liderança, comissão técnica e atletas querem logo uma resposta em campo para tranquilizar a torcida e retomar a trajetória de vitórias.