Polícia de Madrid mobilizada para coibir comemorações de Atlético ou Real pela Liga Espanhola

0
36
Atlético de Madrid e Real Madrd

A briga pelo título do Campeonato Espanhol chega ao fim neste final de semana com a última rodada de La Liga e pelo menos uma certeza já existe: o campeão será um clube de Madrid, pois apenas o Atlético e o Real ainda têm chances de levantar a taça.

Prevendo grandes aglomerações por parte da torcida vencedora na hora das comemorações, o departamento de polícia da capital espanhola já está mobilizado para impedir que as medidas de prevenção ao novo coronavírus sejam desrespeitadas.

O título será definido neste sábado quando o Atlético de Madrid, líder com 80 pontos, fará seu último jogo pelo campeonato contra o Valladolid fora de casa enquanto o arquirrival Real Madrid receberá o Villarreal na capital. 

Os merengues estão dois pontos atrás dos colchoneros e só ficarão com o título se vencerem seu compromisso e os atleticanos não derrotarem o Villarreal. Ambas as partidas começarão às 13 horas (horário de Brasília).

Um destacamento de 130 policiais já foi designado para impedir as comemorações que costumam acontecer no centro de Madrid. O Atlético tradicionalmente celebra suas conquistas na Fonte de Netuno, que fica a cerca de 600 metros de outra fonte, a Cibeles, na qual os merengues comemoram. Os dois clubes já se comprometeram a não irem para estes locais.

A Prefeitura de Madrid pediu aos torcedores dos dois clubes em disputa pelo título que comemorem de suas sacadas ou dentro de casa para evitarem aglomerações. A Espanha vive um momento de desaceleração da pandemia de Covid-19, mas as autoridades locais ainda não permitiram aos torcedores irem aos jogos das duas primeiras divisões na maioria das regiões do país europeu.