Empate no primeiro jogo da final do Paulistão deixa duas baixas no São Paulo

0
32
Daniel Alves
Daniel Alves (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Como costuma acontecer em decisões, o primeiro confronto da final do campeonato Paulista entre Palmeiras e São Paulo, realizado na última quarta-feira no Allianz Parque, não teve muitas emoções e o 0 x 0 no placar final do jogo foi justo pelo que os dois times apresentaram – ou deixaram de apresentar – em campo. 

O tricolor, porém, teve mais motivos para lamentar, pois dois de seus principais jogadores saíram de campo contundidos e se tornaram dúvidas para o duelo de volta da decisão, que ocorrerá no próximo domingo, no Estádio do Morumbi.

Daniel Alves sofreu uma lesão aos 31 minutos da primeira etapa. Ele recebeu uma pancada de Victor Luís e teve uma torção no joelho quando caiu no gramado. O atleta tentou continuar no jogo, mas não aguentou e saiu poucos minutos depois.

Benitez atuou em parte da primeira etapa com dor na coxa esquerda, próximo à virilha, e saiu no intervalo da partida contra o Verdão, com Igor Gomes entrando em seu lugar. Ele e Dani Alves passarão por uma reavaliação no Departamento Médico do São Paulo para saber se poderão estar em campo na finalíssima do próximo domingo.

O jogo da última quarta-feira foi muito truncado e de poucas chances, mas o Palmeiras pareceu mais perto de marcar que o tricolor do Morumbi. Mesmo com os são paulinos tendo a vantagem de jogarem em casa no segundo confronto, o Verdão tem um leve favoritismo para levar a taça do estadual pelo segundo ano consecutivo. 

Além de ter um elenco considerado superior ao do adversário, os prováveis desfalques do São Paulo aumentam a chance do Palestra. O técnico são paulino, Hernán Crespo, terá de se abrir e atacar mais. O peso de quase uma década sem títulos do tricolor deixa o grupo mais pressionado na decisão. 

Como o Palmeiras é uma equipe que tradicionalmente atua melhor nos contra-ataques, poderá levar vantagem no próximo domingo. De qualquer maneira, o empate em 0 x 0 na quarta deixou a final do Paulistão em aberto.